A Fundação Homem do Mar (FHM), instituída pelo Sindicato Nacional dos Oficiais da Marinha Mercante – SINDMAR, que é voltada para a qualificação profissional e consultoria no setor aquaviário e portuário, sendo responsável pela administração do Centro de Simulação Aquaviária (CSA), formou a primeira turma do curso de Operadores de Serviço de Tráfego de Embarcações (VTS da sigla em inglês Vessel Traffic Service) do Brasil. O curso é acreditado pela Autoridade Marítima Brasileira. Os primeiros Operadores de VTS do Brasil pertencem à empresa Prumo Logística, proprietária do Porto do Açu, em São João da Barra, no estado do Rio de Janeiro. Eles concluíram, nesta sexta-feira, 31 de julho, o curso realizado no Centro de Simulação Aquaviária (CSA). Dentre os novos operadores, um destaque: para Bianca Enne, a primeira mulher a se qualificar como operadora de VTS do Brasil. “Estou muito feliz com esta oportunidade. Espero ser não só a primeira, mas uma das melhores profissionais na área também”, afirmou Bianca.

Primeira mulher formada como Operadora de VTS no Brasil, Bianca Emme recebe seu certificado das mãos do diretor da FHM, Jailson Bispo Ferreira, ao lado de instrutores do curso.

Primeira mulher qualificada como Operadora de VTS no Brasil, Bianca Enne recebe seu certificado das mãos do diretor da FHM, Jailson Bispo Ferreira, ao lado do instrutor CLC Marcelo Covelli e representantes da Prumo Logística, CLC Joffre Villote e Valter Barbosa.

O curso foi conduzido pelo Capitão de Longo Curso Marcelo Covelli, coordenador do Centro Marítimo de Simulación Dr. Manuel Belgrano, de Buenos Aires, que trabalhou na implementação do sistema de VTS em toda a região do Rio da Prata e no Baixo Paraná. O Porto do Açu é o primeiro porto brasileiro a contar com o VTS autorizado à sua operação pela Autoridade Marítima Brasileira. O Centro de Simulação Aquaviária, administrado pela Fundação Homem do Mar está preparado com tecnologia de ponta para capacitar os operadores que vão atuar nos sistemas de controle de tráfego de embarcações nos portos do País, ressaltou Jailson Bispo Ferreira, diretor da FHM, lembrando que a implantação do VTS nos portos brasileiros ainda está em fase inicial, embora seja utilizado em grandes portos do mundo, como os de Roterdã, Barcelona e Hong Kong entre outros, há várias décadas. Instalado no Centro do Rio, o CSA conta com a estrutura de modernos equipamentos para fazer a simulação integrada de operações dos navios com a nova ferramenta de controle nos portos, o Sistema de Gerenciamento e Informação do Tráfego de Embarcações (VTMIS, sigla em inglês de Vessel Traffic Management Information System).

O CLC Marcelo Covelli, instrutor do curso de VTS, junto aos alunos, no CSA.

O CLC Marcelo Covelli, instrutor do curso de VTS, junto aos alunos, no CSA.

Inaugurado em novembro de 2006, o CSA começou as atividades em 2007 e, de lá para cá, treinou e aperfeiçoou mais de 2.100 oficiais e eletricistas da Marinha Mercante brasileira e diversos profissionais do setor aquaviário e portuário.

About The Author

Sou André, 2 OM, morador de Campo Grande - RJ. Tenho 40 anos. Casado.